O impacto da tecnologia educacional

tecnologia educacional

A palavra tecnologia já está tão enraizada em nossas rotinas, que as vezes fica difícil pensar como vivíamos sem certas inovações. E ela vem ganhando cada vez mais espaço também na educação. A chamada tecnologia educacional tem sido incorporada no processo de aprendizagem de diferentes formas, e é sobre o impacto desta nova forma de ensino que vamos falar neste texto. 

É considerado tecnologia educacional a utilização de recursos tecnológicos com objetivo único: ensinar. As ferramentas educacionais tecnológicas permitem muitas vezes que o ensino em si seja potencializado. Com a chegada da pandemia foi possível perceber a importância de inserir a tecnologia na rotina de ensino das mais diversas formas.

O setor da educação como um todo teve que confrontar e lidar com as transformações que foram praticamente impostas, uma vez que foi necessário a adaptação a tecnologias que estão sendo importante aliadas neste momento. Mas o debate é muito mais amplo. Usar a tecnologia educacional não está vinculado apenas ao momento de isolamento que vivemos, esta nova forma de ensinar tem se mostrado muito positiva em termos de resultados. 

Uma pesquisa inédita coordenada pelo movimento Todos Pela Educação intitulada: “O que pensam os professores brasileiros sobre a tecnologia digital em sala de aula” que envolveu 4 mil professores da rede pública, mostrou os desafios enfrentados pelos educadores e apontou que 96% dos entrevistados concordam que o uso da tecnologia ampliam suas habilidades como docente. 

O estudo ainda mostrou outro dado muito interessante: que o uso da tecnologia já é realidade nas salas de aula da rede pública brasileira. Os professores que usam a tecnologia regularmente em suas aulas são representativos 55%. O que significa que mais da metade já incorporou as ferramentas educacionais tecnológicas no processo de ensino.  Aqui você pode conferir uma lista de ferramentas educacionais muito interessantes.

Afinal, por que investir na tecnologia educacional?

 E você deve estar se perguntando os motivos que para se investir nesta nova forma de ensinar, e nós listamos alguns para você refletir o impacto que usar a tecnologia pode trazer para a aprendizagem. 

  1. Amplia o aceso à informação – Usar a tecnologia como sua aliada possibilita uma janela muito maior para pesquisa e obtenção de informações. O que antes era limitado aos livros existentes na biblioteca da escola, hoje rompe barreiras. A internet possibilitou o consumo de conteúdo e experiências vividas no mundo todo. 
  2. Estimula a de troca de experiência – Nada melhor para o ensino do que poder trocar experiências com outros educadores. Se o exemplo que citamos acima sobre romper barreiras vale para busca pela informação, o mesmo acontece com essa troca de experiência. Você como educador pode inclusive promover esta troca também entre os alunos. 
  3. Aproxima a relação professor e aluno – A geração de hoje está exposta a todos estes estímulos tecnológicos. Nada mais certeiro do que se aproximar desta realidade para promover a educação. O aluno percebe que o ensino faz parte do seu dia a dia, e pode estar presente no aplicativo do smartphone, jogos, livros digitais, entre outros. Toda a aproximação e interação com essa realidade, faz o estudo ficar mais interessante e consequentemente melhoram o desempenho dos alunos. 

Como usar a tecnologia educacional

São muitos os exemplos de como tornar presente a tecnologia educacional para o ensino. Você pode usar diversos dispositivos, para te auxiliar durante a aula, no caso de computadores, tablets, mesas educacionais, projetores, câmeras de documentos entre outros.

Implementar softwares em sua rotina de ensino, como aplicativos, jogos digitais, livros digitais, tornando o objeto de estudo mais atrativo e próximo ao aluno, além de promover interatividade, isso é válido para todas as idades. 

Até os pais se beneficiam com o uso destas tecnologias. É possível acompanhar o desenvolvimento do aluno, plano de aulas, anotações, frequência…

O uso de áudios, imagens e vídeos também é considerado uma forma de trabalhar com tecnologia educacional. Essas mídias permitem trazer ao aluno conteúdos mais dinâmicos. E os jogos digitais são uma ferramenta que atraem muito crianças e adolescentes e contribuem na formação de um jeito leve e com diversão. Você pode também explorar ambientes virtuais para aprendizagem, plataformas de vídeos, por exemplo. As possibilidades são infinitas! 

Desafios de implementação

Acredito que nesta altura, você já se convenceu o quão benéfico pode ser introduzir tecnologia no ambiente de ensino. Ainda assim, existem alguns desafios pela frente. Há uma certa relutância por parte de algumas gestões escolares em fazer a ruptura do jeito tradicional de ensinar. Mas você como educador, pode provar que os benefícios vão além do professor e aluno. A implementação digital pode trazer muitos dados, auxiliar no planejamento, integrar setores da instituição e por que não, até reduzir custos.

Além disso, outro grande desafio é aceitar o papel de educador neste novo cenário de mudança. Você não é mais o único a deter o conhecimento, há uma troca muito grande entre aluno e professor e você deve estar disposto a se adaptar a nova realidade. Sem contar que você deve se preparar para lidar com todas essas mudanças, entender as novas tecnologias, suas especificidades e como aplicá-las a sua rotina de ensino. 

Escolha metodologias inovadoras, traga para sala de aula a tecnologia educacional e sinta como essa transformação no ensino pode impactar na sua rotina como professor e no desempenho dos seus alunos. 

Tem alguma experiência para compartilhar sobre a implementação da tecnologia educacional? Deixe seu comentário!

Um comentário em “O impacto da tecnologia educacional”

Deixe seu comentário